Quinteto em Branco e Preto e Serginho Meriti com o Samba da Laje se revezam e esquentam as noites na famosa casa da Vila Madalena. Dez anos de sucesso, sempre abrindo espaço para os mais diversos estilos musicais e lançando artistas que hoje são conhecidos em todo o Brasil e no mundo. Sempre renovando, o Grazie a Dio! passou recentemente por uma reforma que ampliou possibilidades para artistas e público. E dentro dessa nova perspectiva, traz novidades também na sua programação.  No mês de junho, em parceria com a Boia Fria Produções e a CASA8 Comunicação Integrada, o Grazie a Dio! abre suas portas para três grandes nomes do nosso samba. Dando início ao projeto, na próxima terça-feira (8/6), quem sobe ao palco da casa é o Quinteto em Branco e Preto, que assume o palco novamente no dia 22/6. E nos dias 15 e 29/6, o carioca Serginho Meriti se apresenta acompanhado dos paulistanos do Samba da Laje. Sobre o Quinteto em Branco e Preto: Considerado pela crítica como “o mais importante conjunto da nova geração do samba”, o Quinteto em Branco e Preto é formado por jovens músicos e cantores da periferia de São Paulo. Já dividiu o palco com nomes como: Beth Carvalho (madrinha do conjunto), Maria Rita, Zeca Pagodinho, Martinho da Vila, Paulinho da Viola, Caetano Veloso, Maria Bethânia, Gilberto Gil, Daniela Mercury, Ivete Sangalo, Danilo Caymmi, Nelson Sargento, Dudu Nobre, Zélia Duncan, Mônica Salmaso, Noite Ilustrada, Demônios da Garoa, Paulo César Pinheiro, Wilson Moreira, Jamelão, Arlindo Cruz, Germano Mathias, Jair Rodrigues, Leci Brandão, Jorge Aragão, João Nogueira, entre outros. Com três discos próprios e inúmeras participações, o Quinteto em Branco e Preto traz ao palco do Grazie a Dio! tradição e originalidade na sua melhor forma.  Sobre Serginho Meriti: Sérgio Roberto Serafim é carioca de São João de Meriti, onde foi batizado Serginho Meriti. Nos anos 70, junto com Jorge Ben, fundou o conjunto Copa 7 e os Devaneios, com quem lançou dois LPs. Por meio de seu padrinho musical, Roberto Menescal, em 1989 foi para a gravadora Polygram e virou sucesso. São mais de 1.000 composições, 700 músicas gravadas por nomes como Zeca Pagodinho, Alcione, Almir Guineto, Bebeto, Bezerra da Silva, Arlindo Cruz, Leandro Sapucahy, Maria Rita, Martinho da Vila, Marcelo D2, Seu Jorge, O Rappa, Exaltasamba, entre outros. Algumas de suas composições entraram para a história da MPB, como “Quando Eu Cantar” (que ficou conhecida como “Iáiá Iáiá”), gravada por Zeca Pagodinho, e “Negra Ângela”, na voz de Neguinho da Beija-Flor, além do “hino do penta”, “Deixa a Vida me Levar”, gravado por Zeca Pagodinho e ganhador do Grammy Latino em 2003.  Sobre o Samba da Laje: Surgido há mais de 10 anos, o Samba da Laje reúne todo último domingo do mês cerca de duas mil pessoas para uma grande roda de samba com feijoada na Vila Santa Catarina, zona sul de São Paulo. O repertório vai de Noel Rosa a Zeca Pagodinho, e é no clima que fez sua boa fama em toda a cidade que o Samba da Laje vem acompanhar o carioca Serginho Meriti nas noites do Grazie a Dio. Serviço: Dias 8 e 22 de junho: QUINTETO EM BRANCO E PRETO. Dias 15 e 29 de junho: SERGINHO MERITI com o SAMBA DA LAJE . Grazie a Dio! Rua Girassol, 67 – Vila Madalena. Horário: 22h30 (a casa abre às 20h). Entrada: R$ 20; com nome na lista (lista@grazieadio.com.br) enviado até as 17h30 do dia do show, R$ 15 (homem) e R$ 10 (mulher); mulher é VIP até as 22h. Mais informações: (11) 3031-6568

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s